Vllaznia Pozheran: do Kosovo vem o mais alternativo novato – #DebutantesEuropa

Quando lançamos esse especial, a missão era falar sobre todos os países filiados à UEFA, então, o Kosovo fazia parte. De lá, o Vllaznia Pozheran é a novidade da Superliga, que pelo segundo ano indicará um representante à Liga dos Campeões. O clube tem 44 anos, mas apenas agora terá a chance de disputar a elite.

A concorrência é alta

O Campeonato Kosovar tem 12 equipes, mas quatro dessas podem cair, pois o regulamento prevê que os dois últimos caiam diretamente e os dois acima desses disputem uma repescagem com o terceiro e quarto da Liga e Parë, segunda divisão nacional, ou seja, ficar em oitavo para uma equipe estreante seria, provavelmente, muito comemorado, desde que se tenha esse objetivo, pois a administração do clube trabalha bem fora de campo.

O acesso veio na repescagem. Na Liga e Parë, a equipe ficou com a quarta colocação, com 52 pontos (mesmo número do terceiro, o Dukagjini), 16 a menos que campeão e vice (Vëllaznimi e Flamurtari) e cinco a mais que o 2.Korriku. No jogo que definiu a subida, o Ferizaj, nono da Superliga, foi o adversário. No tempo regulamentar, empate sem gols, mas na prorrogação, Ferati abriu o placar para o Vllaznia, mas Kuka empatou. Nos pênaltis, algo muito inusitado e emocionante: o Ferizaj converteu os dois primeiros e o Vllaznia errou os dois, mas nos três últimos, a situação se inverteu, com três gols do debutante e três erros adversários. Fez-se a história.

Segundo as redes sociais (links abaixo) do clube, foram feitas dez contratações para a temporada, sendo dois africanos (Engonbo Yenze e Yanne Mavoungou) e oito que estavam na primeira divisão nacional, incluindo o goleiro Armend Miftari (Hajavlia), o meia Maliq Beluli (Ferizaj, clube derrotado na repescagem), Rron Statovci (Llapi), Armend Kastrati (Drita) e Festim Krasniqi (Llapi).

A direção do clube há um mês divulgou que construirá um estádio para a equipe, chamado Ibrahim Kurteshi, com custo de 583 908 euros. Fora de campo, a equipe se planejou bem para estrear na elite nacional.

O craque

Yanne Mavoungou | zagueiro, 25 anos

Clubes de Kosovo trabalham muito com jogadores locais ou de divisões menores dos países que o cercam. Por isso, chama a atenção quando um africano é anunciado. Mavoungou, nascido no Gabão, vinha de quatro temporadas pelo Sarreguemines, clube da quinta divisão francesa. Chega como principal aposta diferente para a temporada.

Estádio

Não encontramos informações confiáveis sobre o estádio atual da equipe

Curtir

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s