A situação de quinze clubes em relação a Copa do Brasil 2022

Anúncios

Desde o início do ano, a Revista Série Z traz pela primeira vez, a linha do tempo da Copa do Brasil 2022, uma competição que tem um sistema um pouco complexo de classificação quando chega o final do ano, pois os clubes podem mudar de “posição”, se classificando pelos estaduais, pelas dez vagas do Ranking da CBF ou pelos 12 clubes que vão diretamente para a terceira fase. Em um momento de muitas dúvidas e ansiedades, nós separamos 15 clubes que vivem alguma expectativa de disputar a edição. Alguns casos estão praticamente classificados, enquanto outros temos apenas más notícias…

Brasil de Pelotas: basta que Red Bull Bragantino ou Fortaleza garanta vaga na Libertadores

Oeste: precisa que dois clubes garantidos pelo Ranking da CBF sejam realocados para a primeira fase via Estadual ou para a terceira fase. De modo prático, o mais simples é torcer para Red Bull Bragantino e Fortaleza (puxando o Ceará via Estadual) confirmarem a classificação na Libertadores

Confiança: aqui, começa a complicar. Além de Red Bull Bragantino e Fortaleza se classificarem para a Libertadores, precisará torcer para que o Santos, também, conquiste tal vaga, para ser um dos dez ranqueados da disputa

Santa Cruz: não tem mais chances de Copa do Brasil 2022, pois Goiás, Coritiba, Vitória, Ponte Preta, Paraná, Guarani e Criciúma não têm possibilidade de ocuparem as vagas via Estaduais e saírem do lote destinado ao ranking

Ferroviária: precisa que Corinthians e Red Bull Bragantino garantam vaga na Libertadores 2022

Inter de Limeira: precisa que Corinthians, Red Bull Bragantino e São Paulo garantam vaga na Copa do Brasil

Atlético Cearense: se não for campeão da Taça Fares Lopes, terá vaga se Fortaleza e Ceará forem para a Libertadores

Nova Iguaçu: torce para o Fluminense ir para a competição sul-americana

URT: precisa que o América se garanta na Libertadores

Ação: garante vaga com o Cuiabá indo para a Libertadores

Aparecidense: precisa que o Atlético Goianiense vá para a Libertadores ou o Vila Nova seja campeão da Copa Verde

Campeã da Série D 2021, a Aparecidense tem duas possibilidades de estar na Copa do Brasil (Foto: Thais Figueiredo/CBF)

Anápolis: precisa que o Atlético Goianiense vá para a Libertadores e o Vila Nova seja campeão da Copa Verde

Ypiranga de Erechim: é praticamente impossível, mas se classificaria se Inter e Juventude fossem juntos para a Libertadores

Amazonas: precisa que o Manaus vença a Copa Verde

Castanhal: precisa que Paysandu ou Remo vença a Copa Verde

About the author

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: