A Terceira Liga está definida, o novo campeonato profissional de Portugal

Anúncios

Há oito anos, a terceira divisão portuguesa passou por um inchaço com o Campeonato de Portugal, que será modificado a partir de 2021/22, com a criação da Terceira Liga, que terá 24 clubes, a menor da história – em 2012/3, a competição tinha 48 times. O processo de formação da competição contou com os dois rebaixamentos da segunda divisão e os 22 melhores clubes do Campeonato Portugal (seis perdedores da Fase de Subida e os 16 melhores da fase de manutenção no nível).

As 24 agremiações serão divididas em dois grupos (Zona Norte e Sul), com 12 equipes, cada, com turno e returno. A Zona Norte terá Oliveirense (Segunda Liga), Anadia, Pevidém, Braga B (perdedores da fase de subida), Montalegre, Felgueiras, Vitória de Guimarães B, Fafe, São João de Ver, Leça, Lusitânia e Canelas 2010 (vencedores da fase de manutenção). A segunda conferência terá Vilafraquense (Segunda Liga), Torrense, Vitória de Setúbal, União de Leiria (perdedores da fase de subida), Caldas, Oliveira do Hospital, Alverca, União Santarém, Sporting B, Oriental Dragon, Amora e Real (vencedores da fase de manutenção).

Porém, algumas alterações podem acontecer, pois a competição terá caráter profissional, onde as equipes terão que cumprir certas exigências para oficializarem a inscrição no campeonato. Até o momento, apenas o tradicional Vitória de Setúbal está confirmado para o certame que deve começar em agosto.

Os quatro primeiros classificados garantem vaga na etapa seguinte, onde se dividem em dois grupos, com seis jogos. Sobem diretamente para a Segunda Liga, os campeões de cada grupo, que decidem a taça em uma final. Os dois vices de cada grupo disputam uma repescagem, onde o vencedor encara o antepenúltimo colocado da segunda divisão portuguesa.

As equipes eliminadas da primeira fase, também, terão competição para disputar, onde lutarão contra a queda. Os 16 clubes serão divididos em quatro grupos com quatro equipes, sendo que cada um terá uma pontuação de partida, com os quintos lugares com oito, os sextos com sete e assim sucessivamente. Os quatro piores do grupo caem para o Campeonato de Portugal, que será a nova quarta divisão do país.

A Terceira Liga é uma competição que a Série Z vai acompanhar, pois é uma das novidades da temporada, conforme mostramos na página 64 da edição #41 da nossa publicação.

1 comentário

  1. Que irado, amo campeonatos de divisão menores da Europa e Brasil! Futebol raiz!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: