As 48 vitórias do CSA na Série A

Demorou, mas o torcedor do CSA, após passar por tantas desventuras nas últimas décadas, pôde soltar um grito que seria inimaginável anos atrás: está na Série A. Nas primeiras 20 temporadas (considerando desde 1971) do Brasileirão, o Azulão do Mutange foi um recorrente participante da divisão, com 11 presenças. A equipe encontrará uma Série A totalmente diferente da que disputou. Se antes, os Estaduais eram a forma de entrada e com formatos gigantescos, dessa vez, o clube encarará 38 rodadas de pontos corridos pulando cada degrau sem parar: Série D 2016, Série C 2017, Série B 2018 e Série A 2019.

O clube se torna o quarto a ter disputado a Série D e chegar na elite nacional. É o primeiro, por exemplo, que apareceu em um Guia da Série D nosso e que chega no mais alto escalão do futebol nacional.

A Revista Série Z foi atrás de todas as vitórias do Marujo na Série A. A estreia foi em 1974 e a derradeira participação em 1986. No total, foram 48 vitórias na divisão (não consideramos o Módulo Amarelo 1987 e a Copa João Havelange 2000). O que se espera é que muitas venham em 2019.

1974 – CSA 1 x 0 CEUB

A primeira participação do Azulão teve apenas uma vitória em 19 jogos. Foram 11 rodadas até comemorar um triunfo na divisão. A equipe derrotou o CEUB, do Distrito Federal, por 1 a 0 no confronto entre o penúltimo e último colocado.

1975 – CSA 1 x 0 Grêmio

            Campinense 0 x 2 CSA

            CSA 2 x 1 América (RN)

            CSA 1 x 0 Goiânia

            CSA 1 x 0 Sergipe

Foi um início de Brasileirão bem empolgante. Nas três primeiras rodadas, o CSA conseguiu três vitórias, incluindo a primeira fora de casa e um triunfo contra o Grêmio, que reencontrará em 2019. A campanha foi bem melhor que o debute, mas não teve classificação, apesar da luta. No final do campeonato, a equipe teve duas vitórias por placar mínimo.

1976 – CSA 2 x 1 Botafogo

            CSA 3 x 2 Treze

Foram oito jogos na divisão, incluindo o primeiro clássico alagoano na Série A, onde o CRB venceu, por 2 a 1. O CSA não conseguiu chegar perto do G-4 e apenas conseguiu vitórias nas rodadas finais, incluindo mais um reencontro que terá ano que vem contra o Botafogo.

1977 – CSA 2 x 0 Náutico

            CSA 3 x 1 Botafogo (PB)

            Treze 0 x 1 CSA

Na quarta participação do Azulino, a primeira classificação para a segunda fase. O CSA teve nove rodadas para conseguir a vaga como quinto colocado. Foram três vitórias contra nordestinos, incluindo a segunda fora de casa. Na etapa seguinte, a equipe caiu em uma chave dura (Botafogo, Botafogo-RP, Fluminense e Operário-MS) e não teve vitórias.

1978 – Sergipe 1 x 2 CSA

            CSA 2 x 0 Itabuna

            CSA 3 x 1 Confiança

O Campeonato Brasileiro desse ano teve uma ampliação, com grupos de 12 ou 13 clubes. O Azulão do Mutange não chegou a sonhar com a classificação e, novamente, conquistou as vitórias na segunda metade da fase inicial. A equipe conseguiu mais uma vitória fora de casa e teve confronto contra o alternativo Itabuna.

1979 – CSA 2 x 1 ASA

            CSA 2 x 1 Leônico

            CSA 1 x 0 CRB

            CSA 3 x 0 Fortaleza

            CSA 3 x 1 ABC

No maior campeonato nacional até então, o CSA era claro favorito a ficar com uma das cinco vagas de classificação no grupo F. Foi assim, que se cumpriu. Na primeira fase, foram cinco jogos em casa e cinco vitórias, incluindo as primeiras contra rivais do estado, além da vitória contra o Fortaleza, que voltarão a se enfrentar ano que vem. A equipe ficou no primeiro lugar.

            CSA 1 x 0 Villa Nova (MG)

            CSA 1 x 0 Leônico

            CSA 2 x 1 Cruzeiro

Na segunda fase, foram três vitórias em sete jogos e mesmo com a luta, a equipe não conseguiu vaga à etapa seguinte. Foi a primeira vez que o CSA venceu uma equipe na Série A em duas oportunidades no mesmo ano, no caso, o Leônico. A vitória emblemática foi contra o Cruzeiro, com gols de Alberto e Ailton (ficha abaixo). Todas as vitórias foram no Rei Pelé.

1981 –  CSA 2 x 1 River

            Campinense 0 x 1 CSA

            CSA 3 x 2 América-RN

Após ficar com o vice-campeonato da Série B 1980, o CSA voltou a disputar a elite nacional no ano seguinte. A primeira fase era tranquila, pois apenas três dos dez clubes não passavam de fase. Novamente, vitórias contra nordestinos, incluindo o segundo resultado positivo contra o Campinense e mais uma vez fora de casa.

            CSA 4 x 0 Galícia

            Galícia 1 x 3 CSA

            CSA 3 x 0 Nacional

Na segunda fase, o CSA mostrou força. No grupo com Vasco, Nacional e Galícia, a equipe teve três vitórias, dois empates (ambos contra o Vasco) e uma derrota. A classificação foi conquistada com uma rodada de antecedência. O destaque fica pelas duas vitórias com o Galícia. Nas oitavas de final, o time parou no confronto com o Botafogo, com um empate e uma derrota.

1982 –  CSA 2 x 0 Itabaiana

Em um formato bem diferente, com oito grupos de cinco, o CSA caiu em uma chave difícil, onde Sport e Fluminense se destacavam. A luta era contra Inter de Limeira e Itabaiana (mas que não tinha uma boa equipe segundo a Placar, conforme ficha abaixo) pela terceira vaga. O maior campeão alagoano teve apenas uma vitória nessa edição, contra o Itabaiana, na terceira rodada. Por ficar em quarto, disputou a fase final da Taça de Prata, onde ficou com o vice.

1983 –  CSA 4 x 0 Tiradentes

            Fluminense 1 x 2 CSA

No mesmo formato do ano anterior, o CSA teve um início animador, com duas vitórias nas primeiras rodadas, incluindo o primeiro confronto que seria um adversário direto na disputa da classificação, mas as coisas não saíram como esperado, com dois empates e quatro derrotas nas partidas seguintes.

1985 – CSA 4 x 0 Nacional

            CSA 1 x 0 Sergipe

            CSA 2 x 1 ABC

            CSA 2 x 1 Paysandu

            Remo 1 x 3 CSA

            CSA 1 x 0 Flamengo (PI)

            CSA 2 x 0 Sampaio Corrêa

            CSA 2 x 0 Ceará

            CSA 5 x 1 Botafogo (PB)

            CSA 3 x 0 Remo

Foi ano de mais vitórias e melhor campanha para o Marujo na Série A. Classificado via estadual, o clube ficou no lado oposto aos remanescentes da primeira divisão do ano anterior. Das 11 partidas no Rei Pelé, o CSA ganhou nove e perdeu duas, garantindo o quarto lugar no grupo C e a vaga na próxima fase. Na etapa seguinte, o clube de Alagoas caiu em uma chave com Atlético Mineiro, Guarani e Ponte Preta e não conseguiu nenhuma vitória.

1986 – CSA 4 x 0 Portuguesa

            CSA 2 x 1 Alecrim

            CSA 1 x 0 Palmeiras

A última participação do CSA na Série A foi em 1986. O campeonato continuava com o formato de grupos e mais de 40 equipes, mas dessa vez sem nivelamento, com todos misturados. O CSA terminou em sexto lugar entre 11 agremiações, mas passou por ter uma das melhores pontuações entre os “eliminados”. Conquistou duas vitórias emblemáticas: uma goleada contra a Lusa e o triunfo em cima do Palmeiras, que reencontrará em 2019.

            CSA 1 x 0 Sport

            Comercial (MS) 0 x 3 CSA

            CSA 1 x 0 Bahia

            CSA 2 x 1 Náutico

Na segunda fase, o Azulino venceu quatro jogos dos 16 dispostos. Até lutou para ficar no grupo dos quatro classificados, mas a campanha não foi suficiente. Foram duas vitórias contra clubes que pode (ou deve) reencontrar em 2019: Sport e Bahia. A vitória contra o Náutico foi a última da história do clube na Série A, mas a espera acabará ano que vem e que o torcedor espera é que venha rapidamente e sejam várias…

 

Anúncios

3 comentários em “As 48 vitórias do CSA na Série A

  1. Esse Tiradentes que tomou goleada em 1983 do CSA é o mesmo que tomou a maior goleada da história do Brasileirão por 10×1 para o Corinthians no mesmo ano? Porque o CSA não enfrentou o Corinthians naquele mesmo ano?

  2. Na vitória sobre o Itabaiana em 82 por 2 a 0 o técnico na ficha como Luis Filipe, é o Felipão, Luis Felipe Scolari ..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close