Revista Série Z APITA O ÁRBITRO,EUROPA,ILHAS FAROE Uma tarde de Faroesão no Youtube

Uma tarde de Faroesão no Youtube



No domingo, soube pelo Observatorio Ligas Europeias Futebol, uma das melhores páginas para adeptos do futebol alternativo, que a Liga de Ilhas Faroe, a Effodeildin, iniciou transmissões ao vivo pelo Youtube, que, aliás, vem crescendo e muito nesse ramo, principalmente com campeonatos marginais.

A Eurocopa que vem ocupando as tardes de junho deu uma pausa, mas a bola ia rolar na ilha europeia. Junto com ócio e a vontade de conhecer mais, a tarde do dia 23 de junho de 2016 se tornou histórica para este autor, onde conferiu NSÍ Runavík x B36 Torshavn, pela 16ª rodada do certame local. As duas equipes ficaram em segundo e primeiro lugar na liga de 2015, respectivamente, e na semana que vem estreiam nas fases preliminares das competições europeias, com o B36 encarando o Valletta (MLT), pela Champions League, e o NSÍ encara o Shakthyor Soligorsk (BLR), pela Liga Europa.

São tantas peculiaridades na partida, que o resultado fica em segundo plano, mas é dever dar um parecer sobre. Como as equipes se equiparam, não houve um desnivelamento, nem mesmo bizarrices dentro de campo, apesar de alguns erros bobos de passe. A qualidade do jogo foi boa, com o B36 se colocando no ataque desde o início e a equipe da casa apostando no contra-ataque, principalmente, puxado por Árni Frederiksberg. Apesar do bom volume adversário, o NSÍ foi quem abriu o placar de pênalti. Após Hordur Askham colocar a mão na bola, o capitão Klaemint Andrasson cobrou e fez nos acréscimos da primeira etapa (a partir de 38m55’ do vídeo abaixo). Na etapa final, o B36 correu atrás do prejuízo e cedeu novamente, o contra-ataque. Andrasson aproveitou uma sobra na pequena área e aumentou o placar, aos 27 (1h22m37 do vídeo). Faltando quatro minutos para o fim do tempo regulamentar, Hogni Eysturoy descontou para o clube de Torshavn (1h42m20 do vídeo). Resultado final: NSÍ 2 x 1 B36.

Agora vamos destrinchar o contexto da partida, com muitas coisas legais, desde a transmissão até o fim do jogo.

A transmissão

O ponto positivo da transmissão é que a narração foi comandada por uma mulher, que ao seu lado tinha um comentarista. Os dois “abusaram” das risadas, mas eu, obviamente, não entendi nada do idioma. Recursos gráficos, como placar e estatísticas, e replay não são vistos no vídeo, durante o decorrer da partida, mas nada que diminua a genialidade da ideia. Em certo momento, cerca de 450 pessoas estavam assistindo a transmissão, com a presença de um francês e outro brasileiro, Willian Ferreira, que gosta de acompanhar o campeonato local e em especial, o B36.

Sem recursos gráficos, mas com uma boa visão do sensacional banco de reservas (Foto: Reprodução/Youtube)

Sem recursos gráficos, mas com uma boa visão do sensacional banco de reservas (Foto: Reprodução/Youtube)

O placar

Uma parede cinza com um placar eletrônico mostrando o tempo da partida. Um “concretão” simples, sem nem mesmo o resultado da partida, mas que ajudou muito durante a transmissão para ter ideia do tempo decorrido.

(Foto: Reprodução/Youtube)

(Foto: Reprodução/Youtube)

A torcida

Apenas no lado oposto a imagem transmitida, que há arquibancada no Runavík Stadium. O público apenas foi mostrado no intervalo da partida e com boa presença. Muitas pessoas ficam sentadas ou encostadas nas muretas que a separam do gramado. Destaque ainda para uma bandeira meio torta, que parecia ser de uma “organizada” do NSÍ.

MUITA CRIANÇA

(Foto: Reprodução/Youtube)

PÚBLICO

(Foto: Reprodução/Youtube)

TO NSI

(Foto: Reprodução/Youtube)

O intervalo

Em um meio tão comercial que se tornou o futebol em muitos cantos, foi bem legal ver que as crianças ficam livres para entrar no gramado durante o intervalo da partida. Elas ocupam todo o espaço, incluindo a grande área para brincar de pênalti. Assim, que os primeiros jogadores voltam do vestiário, elas logo saem sem nenhum problema visível.

(Foto: Reprodução/Youtube)

(Foto: Reprodução/Youtube)

Meu carro, minha arquibancada

A mais genial imagem do jogo, para mim, pelo menos! Segundo gol do NSÍ e os jogadores vão para o lado das montanhas para comemorar e eis que um distinto senhor está dentro do carro dele acompanhando a partida, vibrando com o gol da equipe. Após o momento retratado abaixo, Andrasson o cumprimenta, para alegria do adepto aurinegro.

(Foto: Reprodução/Youtube)

(Foto: Reprodução/Youtube)

As muitas traves

O Runavík Stadium deve ser utilizado para muitos “tipos de futebol”. Basta ver o tanto de traves e de diferentes tamanhos que ficam atrás do “gol das montanhas”.

(Foto: Reprodução/Youtube)

(Foto: Reprodução/Youtube)

Invasão

Uma das melhores imagens em estádios é quando há uma invasão da torcida por um resultado positivo. As crianças dominaram o campo, assim que o árbitro apitou o fim de jogo. Deu para perceber, que muitos são filhxs dos jogadores. Uma cena bem legal e que, infelizmente, parece distante para muitos.

(Foto: Reprodução/Youtube)

(Foto: Reprodução/Youtube)

1 thought on “Uma tarde de Faroesão no Youtube”

  1. Diego disse:

    Reportagem fantástica. Viva o alternativo futebol das Ilhas Faroe \o/

Deixe uma resposta

TopBack to Top
%d blogueiros gostam disto: