Uma vez Ermis

 

Em uma partida com final emocionante, o Ermis Aradippou venceu o APOEL Nicosia, por 2 a 1 e garantiu o título da Supercopa do Chipre, o mais importante dos 56 anos de história do clube.

Ermis Aradippou e APOEL Nicosia fizeram um jogo com oito cartões amarelos. A partida teve seus pontos cruciais nos “extremos do relógio”. Com um minuto de jogo, Jonatas Belusso, ex-Guaratinguetá, abriu o placar. O placar durou até os acréscimos do segundo tempo, quando o APOEL alcançou o empate. Em cobrança de escanteio, Zarkovic, do Ermis, marcou contra. Isso aos 47 minutos da etapa final, mas dois minutos depois, Taralidis cobrou falta com maestria e garantiu o título do Ermis.

Belusso comemora o gol relâmpago do Ermis. (Foto: 24Sports.cy)
Belusso comemora o gol relâmpago do Ermis. (Foto: 24Sports.cy)

Após ser eliminado da Liga Europa, o rubro-negro pôde comemorar. Uma temporada especial para o clube, que pela primeira vez disputou uma competição continental e de quebra conquista sua maior façanha. Lembrando que o Ermis se classificou para a Supercopa como vice-campeão da Taça do Chipre. Na final, a equipe foi derrotada pelo próprio APOEL.

Na história do clube, esse é o sexto título. São dois campeonatos da segunda divisão (1981/82 e 2008/09) e três da terceira divisão (1976/77, 1996/97 e 2007/08). O Ermis foi o único clube da temporada passada que permaneceu na Elie pós-acesso, já que o AE Kouklion e o Aris Limassol foram rebaixados.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s